O Conselho Regional de Medicina do Estado de Mato Grosso do Sul, autarquia federal regulamentada pela Lei 3268/57, vem a público lamentar, de maneira veemente, fato criminoso divulgado ontem pela imprensa, quanto a que o Prefeito de Rio Negro, Gilson Antônio Romano, do PMDB, teria agredido com murros e chutes os médicos Ivan Costa e Roberto Rangel, quando da discussão havida sobre atrasos salariais, na sede da Secretaria de Saúde da cidade.

Trata-se, evidentemente, de atitude criminosa e intolerável, que ainda hoje será comunicada às autoridades competentes, para rigorosa apuração dos fatos.

Certamente que a legislação brasileira não autoriza, antes recrimina, esse tipo de conduta nefasta, desonrosa e covarde, que ofende sobremaneira a dignidade e o respeito merecido também pela classe médica.

 

Conselho Regional de Medicina do Estado de Mato Grosso do Sul
Presidente: Luís Henrique Mascarenhas Moreira

 

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.